Notícias

11/10/2017

Semana das Crianças: Cuidados na estrada durante o feriado

Dos 46 mil feridos em acidentes de trânsito no Paraná em 2016, 8% tinham menos de 17 anos. Dados do Departamento de Trânsito do Estado (Detran) mostram que 1.5 mil crianças, com entre 0 e 11 anos, e 2.1 mil, com entre 12 e 17 anos, foram vítimas de ocorrências em ruas e estradas paranaenses.

Com o feriado da Padroeira do Brasil e o Dia das Crianças, neste 12 de outubro, é preciso cuidado ao planejar a viagem com os pequenos. “Além da manutenção do veículo e a atenção à documentação, que devem existir em todas as viagens, é preciso lembrar do uso correto dos dispositivos de segurança, adequados para cada idade”, lembra o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.

O bebê conforto é para bebês com ou até um ano de idade. Já crianças com idade superior a um ano e inferior ou igual a quatro anos devem ser transportadas em cadeirinha. De quatro a sete anos e meio devem usar o assento de elevação e, a partir de dez anos (com mais de 1,45 m), podem utilizar o cinto de segurança e ser transportadas no banco da frente.

PLANEJAMENTO –Pesquise a duração média da viagem e alguns pontos de paradas com as crianças. Uma pausa pode evitar que elas fiquem muito agitadas e dá mais energia ao condutor para continuar a viagem.

Anote os números da concessionária responsável pela rodovia, para qualquer tipo de suporte durante o deslocamento. Procure não viajar no fim da manhã ou da tarde, os horários mais movimentados nas estradas.

CUIDADO COM PORTAS E VIDROS - Redobre a atenção no fechamento das portas. Os vidros traseiros devem estar travados e abaixados apenas o suficiente para permitir a ventilação. Não permita nunca que as crianças ponham as mãos, braços ou a cabeça para fora.

ALIMENTAÇÃO - Algumas crianças sofrem facilmente de enjoo, especialmente em caminhos com muitas curvas, portanto evite alimentos de digestão difícil. Tenha sempre biscoitos, frutas, água e sucos para oferecer durante o trajeto

ENTRETENIMENTO - Em viagens longas, é preciso pensar em alguns recursos para manter os menores ocupados. O ideal é que os brinquedos estejam fixos no banco, para evitar que desviem a atenção do condutor. Músicas e vídeos, em aparelhos de celular, tablets ou DVDs fixos, só estão permitidos no banco traseiro.


Fonte: Assessoria de Comunicação

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.