Detran e Tecpar estudam novas ações conjuntas
15/09/2020 - 17:31

O diretor-geral do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), Wagner Mesquita visitou, nesta segunda-feira, 15, o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), onde foi recebido pelo diretor-presidente do Tecpar, Jorge Callado; e pelos diretores Carlos Gomes Pessoa (Tecnologia e Inovação), e Iram de Rezende (Industrial da Saúde), para tratar do planejamento de ações conjuntas entre os órgãos, com foco na inovação, mobilidade e cidades inteligentes. 

Mesquita estava acompanhado do diretor administrativo e financeiro, Francisco José Batista da Costa e o Superintendente Geral de Inovação do Estado do Paraná, Henrique Domakoski, também esteve presente.

A reunião também tratou da prospecção de ações de inovação na área de cidades inteligentes que apoiem ao processo de tomada de decisão do Detran. 

Resultados – A parceria entre os dois órgãos públicos já dura cerca de 20 anos. Atualmente, o Tecpar realiza vistorias técnicas para o Detran-PR, para conferir se a sinalização aplicada nas vias urbanas está em conformidade com a legislação vigente − contemplando dimensões, quantitativos e retrorrefletividade. Só entre 2019 e 2020, os técnicos do Instituto avaliaram a sinalização viária de 104 municípios do Estado.

“Em 2020, o Detran-PR assinou 124 convênios de sinalização viária com municípios e continua contando com o Tecpar para fortalecer ainda mais esta parceria”, afirma Mesquita.

O Detran também vem construindo junto com o Tecpar o Termo de Cooperação para o projeto Cidades Experimentais, de forma a utilizar o Instituto como um laboratório para soluções tecnológicas e internet das coisas.

Outra ação conjunta atende ao Decreto Estadual 8804, que regulamenta a atuação das empresas dedicadas à desmontagem de veículos autoterrestes. Nesta parceria, o Tecpar é responsável por realizar a avaliação anual de conformidade em empresas que exercem atividades de desmontagem de veículos no Estado.

Experiência -  Há 40 anos, o Tecpar avalia a qualidade de materiais utilizados em sinalização viária, para conferir se são atendidos os requisitos da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e demais legislações. Estas atividades em sinalização viária começaram no início dos anos 80. Logo depois, no período das concessões de rodovias, o instituto ficou responsável por avaliar grande parte da sinalização vertical e horizontal implantada em trechos pedagiados no Paraná.

 

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias